sábado, 22 de março de 2014

Destralhe... exames médicos!!!

Só criando a confusão para resolver também outras coisas. Preciso arrumar tudo em Cornélio, peguei todos os documentos médicos que já estavam separados e trouxe para Londrina para organizar e qual não foi minha surpresa ao encontrar um monte de coisas desnecessárias no meio de tudo isso. Surpresa? Ora, como acumuladora eu já deveria esperar por esse monte de tralhas.

Todas as receitas e exames de um longo tratamento ortomolecular que fiz e não tem utilidade alguma, pois tratamento que independe de comparação com exames anteriores.

Exames de imagens de acidentes pequenos e que não são relativos à nenhuma doença degenerativa, também não servindo de parâmetro para exames futuros.

Receitas do longo tratamento do Pedro para a garganta que culminou finalmente na cura pela homeopatia. Receitas, portanto, que não servem para nada.

Está certo que havia também exames das crianças e meus que precisam ser guardados para que possam subsidiar exames posteriores. Toda vez que faço um exame, tanto a médica como a responsável pelo laudo de imagem, ficam preocupadas e indicam refazer a cada seis meses "para controle"... está certo e de vez em quando (a cada quase dois anos) refaço o dito exame pelo simples detalhe de que a alteração apareceu há dezenove anos e até hoje não causou nenhum problema.

Vamos para as fotos só para que tenham uma idéia da bagunça e do espaço que essa tralha toda estava ocupando em Cornélio e ocuparia em Londrina não fosse a limpeza feita:

Pilha desanimadora de papéis para organizar:
 

Lixo que estava misturado com documentos importantes:
 









Exames meus que sobraram:




















Exames das crianças que sobraram agora devidamente separados para cada um:











E você? Consegue fazer uma zona tão grande como a minha com seus documentos médicos?

6 comentários:

  1. Tem exames meus espalhados por toda casa. Já coloquei como meta organizá-los, mas ainda não tive coragem. Quem sabe agora na semana santa. Vez ou outra encontro exames de anos atrás, que não servem mais, apenas para acumular papel. Quero fazer uma pasta e manter apenas os que são pedidos quando vamos fazer novos exames para comparação.

    Beijos e um ótimo fim de semana.
    Josy Santos
    http://muraldajosy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josy, vai simplesmente juntando em algum lugar ou a cada um que achar, e ver que não serve para nada, joga fora!

      Beijos e um ótimo domingo!

      Excluir
  2. Aqui é tranquilo. Quase não fazemos exames. Os meus periódicos eu guardo para acompanhamento anual. O penúltimo vai para o lixo assim que trago o mais recente para casa.Os do marido e filho ficam um tempinho guardados em cima de cada guarda-roupa. Quando vira o ano é faxina geral e lá se vão para o lixo.
    Sou uma das poucas da família que não possui uma "farmacinha" no banheiro.
    Ficou doente, medicou, sarou, passou. Descarto o que não foi usado e caso seja grave, corremos para o hospital da Aeronáutica, que é bem pertinho de casa.
    Receitas? Não guardo nenhuma, cada caso é um caso...

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zilda, espero fazer assim daqui para a frente!

      Beijos

      Excluir
  3. Eu até tento fazer uma zona assim mas não fica nem parente... rs

    Brincadeira, por mais que a gente organize, sempre encontra coisa inútil no meio né, ou põe numa pasta e vai enchendo e várias pastas e depois sai 1 kg de lixo. Fiz isso mas não com exames no sábado e saiu muito lixo... isso que falo do cubículo de SP. Como poderia ter visitas foi arrumado, mas dai a visita foi fora daqui, mas no susto ficou mais ajeitado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você viu que zona? Estava tudo enfiado no quartinho preto e lá não incomodava ninguém, quando trouxe para Londrina onde não há o tal quartinho precisei dar um jeito... rs...

      Excluir